Itaipu terá novo sistema de combate a incêndio nos transformadores principais

Melhoria faz parte do Plano de Atualização Tecnológica (PAT) das unidades geradoras. Com tecnologia Water Mist, sistema passou por testes de validação na Noruega

O Plano de Atualização Tecnológica (PAT) da usina de Itaipu prevê a instalação de um novo sistema de combate a incêndio para os transformadores elevadores principais das unidades geradoras. O sistema será baseado na tecnologia Water Mist (água em névoa) e irá substituir o conjunto atual, Water Spray.

O Water Mist produz micropartículas de água com diâmetro entre 10 micras e 200 micras, muito menores que as partículas produzidas pelo atual sistema de spray, em torno de 3.000 micras. Além de mais eficiente, o Water Mist utiliza menos água do que os sistemas tradicionais.

Nos dias 13 e 14 de maio, o novo sistema passou por testes de validação no Laboratório credenciado Rise Fire Research AS, na Noruega. O ensaio – chamado de Fire Test – seguiu os protocolos da National Fire Protection Association (NFPA) e parâmetros relacionados ao contexto de aplicação na Itaipu.

A coordenação do trabalho foi feita por representantes do Consórcio CMI, responsável pelo PAT, com acompanhamento dos fabricantes CF-Sistemas (Brasil) e Danfoss (Dinamarca). Pela Itaipu, participaram os engenheiros Camilo Furlanetto e Derlis Fabian Vera Estigarribia, ambos da Divisão de Engenharia Eletromecânica e responsáveis técnicos pelo desenvolvimento do projeto.

Para o experimento, o Laboratório Rise Fire Research construiu uma envoltória (revestimento) em chapa metálica com as mesmas dimensões da Cela do Transformador na elevação 108, ou seja, foi construído um modelo em tamanho real para simular exatamente as condições de instalação do sistema na Itaipu.

Foram feitos quatro testes, com o acendimento de chama em quatro diferentes posições. O fogo foi extinto no tempo adequado e os testes foram considerados bem-sucedidos. Desta forma, os parâmetros de projeto foram ajustados e validados para serem aplicados no projeto executivo.

As próximas fases para a implantação do sistema são a elaboração dos projetos executivos, fabricação e testes de aceitação para posterior implantação no campo.

De acordo com a Diretoria Técnica, a atualização do sistema de combate a incêndio na usina é uma resposta às exigências modernas de segurança industrial. Com o aumento das demandas energéticas e a necessidade de manter operações ininterruptas, a proteção contra incêndios tornou-se prioridade.

A instalação do novo sistema garantirá a rápida detecção e supressão de qualquer foco de incêndio, minimizando riscos à infraestrutura e à segurança dos trabalhadores.

Sobre os transformadores

Os transformadores elevadores têm um papel fundamental no processo de produção de energia, sendo responsáveis por elevar a tensão de geração de 18 kV, na saída do gerador, para os 500 kV de tensão nominal no sistema de transmissão. Ao todo, a usina conta com 60 transformadores em operação, três por unidade geradora, instalados em celas fechadas na elevação 108.

Divisão de Imprensa de Itaipu/Fotos Diretoria Técnica